Telenovela mexicana que conta a história da doce menina Daniela Monroy.

Emissora: Televisa.
Emissora no Brasil: SBT.
Transmissão Original: de 23 de novembro de 1998 à 16 de abril de 1999.
Duração: 45 minutos.
Temporadas: 1 (100 capítulos).
Cores.
Companhias Produtoras:
Televisa SA.

A Novela.


O Diário de Daniela é uma produção da tevê mexicana Televisa, feita sob medida para o público juvenil. Foi produzida por Rosy Ocampo e exibida no Canal de las Estrellas entre 23 de novembro de 1998 à 16 de abril de 1999 em 100 capítulos.

A grande missão da novela era despertar nas crianças sentimentos e atitudes que vão ajudá-las a valorizar o ser humano. A importância da amizade, a solidariedade e o respeito ao próximo são alguns dentre os muitos exemplos  mostrados através da história de Daniela e seus amigos.

Logo o programa alcançou grande sucesso entre o público infantil mexicano, com grandes índices de audiência. No show que conclui a trama, quando Martin (Martín Ricca) pede Daniela (Daniela Luján) em namoro, aparecem todos os atores que estiveram no elenco da novela.

A morte da personagem Lidi causou muito polêmica para o público infantil, depois do terrível acidente após salvar Joãozinho, irmãozinho de Daniela.

A História.


Daniela Monroy (Daniela Lujan) é uma doce garotinha de dez anos. Ela conquista todos com seu rostinho angelical e sua intensa imaginação. O único e inseparável companheiro da menina é seu maravilhoso diário, onde ela registra sonhos, esperanças, segredos, tristezas e, principalmente, confessa suas travessuras.

Daniela tem um dom especial para manter a família sempre unida. Seus pais, Enrique (Marcelo Buquet e Gerardo Murguia) e Leonor (Leticia Calderon), seu irmãozinho João (Odiseo Bichir) e sua irmã Adélia (Anahi) têm o privilégio de conviver com um verdadeiro anjinho que está sempre olhando por eles.

Enquanto Adélia passa pela típica e complicada fase de adolescência, usando e abusando de sua beleza e rebeldia e sempre apressada para crescer e amadurecer, Daniela é uma menina muito sensível, disposta a abrir o coração e ajudar aqueles que necessitam. Já Joãozinho, seu irmão caçula, é um menininho meigo e travesso, porém, muito mais apegado à Dani que à Adélia.

O cenário principal desta história é o teatro do pai das crianças, Henrique Monroy, herdado do avô. É lá que Daniela está sempre reunida com seus amigos. Martin Linhares (Martin Ricca), seu melhor amigo e seu amorzinho, é um garoto bonito e inteligente. Sua história é triste: ele vem de uma família desintegrada. Seu pai, Pepe (Juan Pablo Gamboa), diretor de cenas do teatro e melhor amigo de Henrique Monroy, está divorciado e, por mais que ame o filho, não consegue a custódia dele. Martin vive com sua mãe, Rita (Marcela Páez), e seu padrasto, Gustavo, um homem briguento e violento, que descarrega todas as suas frustrações no enteado.

Daniela é feliz, no entanto, uma bela mulher chamada Helena (Mónika Sánchez), a assistente do pai de Daniela, ciumenta e “avessa” às crianças, está obcecada pelo amor de Henrique, seu sócio, e chegará para ameaçar esta felicidade, fazendo até o impossível para atingir seus objetivos.

No Brasil.


Foi exibida pelo SBT entre 3 de janeiro a 24 de abril de 2000, em 97 capítulos, cobrindo as férias da novela Chiquititas. Por aqui  a telenovela também atingiu uma boa repercussão.

Foi reexibida pelo SBT entre 1 de janeiro a 4 de maio de 2007, em 90 capítulos, substituindo Cúmplices de um Resgate e sendo substituída pela brasileira As Pupilas do Senhor Reitor.

 



style=”display:inline-block;width:300px;height:250px”
data-ad-client=”ca-pub-7216971035978343″
data-ad-slot=”8029069552″>

WordPress Video Lightbox Plugin