10 Mais – Eram pra entreter mas assustavam!

Muitos personagens são criados para fascinar o público infantil, mas devido a maquiagem, caras e bocas e até o contexto em que são inseridos acabam se tornando o grande motivo para os pequenos correrem da televisão. Essa lista traz os 10 personagens que mais amedrontaram a criançada quando na verdade a intenção era divertir.

Do 10 ao 6Do 5 ao 1

 

10

A Velha Surda


A personagem criada e interpretada pelo comediante Rony Rios no humorístico A Praça da Alegria foi idealizada para fazer rir, através das coisas absurdas que entendia quando conversava com algum convidado, mas as caras e bocas do ator e as vestes da Velhinha Surda assustavam algumas crianças.

 

9

E.T.


O diretor Spielberg conseguiu fazer com que a imagem dos alienígenas, explorada de maneira assustadora no cinema, fosse mudada. O feio e desconhecido foi mostrado como algo amável e as crianças acabaram gostando do E.T., mas nem todas se afeiçoavam com ele. O personagem era realmente feio e para as crianças menores o jeito era ficar longe da infinidade de produtos com a cara dele.

 

8

Hulk


A série do Gigante Esmeralda criada para o público infanto-juvenil que apreciava quadrinhos e desenhos animados de heróis acabou trazendo um Hulk realmente assustador. Com uma peruca horrível, caretas exageradas e uma transformação com direito a olhos brilhando, a criançada até queria assistir, mas virava o rosto em algumas cenas.

 

7

A Bruxa do 71


Pobre Dona Clotilde, além de ser apelidada pela garotada da Vila e não ter o seu amor pelo Seu Madruga correspondido, ainda entrou nessa lista. O problema é que uma Senhora Solteirona, morando sozinha, de gosto duvidoso para trajes e realmente feia, não era considerada bruxa só pelas crianças do programa, alguns telespectadores mirins também não gostavam dela.

 

6

Professor Tibúrcio


Personagem educacional, inofensivo, simpático e engraçado. Bem, acredito que a produção do programa jamais imaginaria que algumas crianças não iria gostar de alguém dando ensinamentos com uma peruca daquelas, uma maquiagem à la vampiro, e com caras e bocas exageradas. Resultado: sexto lugar para o professor nessa galeria do “terror”.

5

Bento Carneiro


Já tem infanauta com medo de seguir adiante nessa galeria, mas para os que chegaram até aqui, vai um dos melhores personagens criados por Chico Anysio, o Valdevino Bento Carneiro. Com um sotaque caipira, ele e seu assistente Calunga nunca conseguiam assustar alguém, pelo menos no quadro, porque em casa a criançada não ia muito com a cara dele.

 

4

Fofão


Criado e interpretado por Orival Pessini, o personagem tornou-se bastante popular entre as crianças brasileiras nos anos 80, chegando a ter seu próprio programa, além de discos, bonecos e diversos produtos licenciados. Devido à máscara, aparência singular e boatos envolvendo o seu boneco e magia negra o personagem acabou se tornando também alvo de medo por parte da criançada.

 

3

Zebrinha


Uma campeã de comunidades em sites de relacionamento, onde o tema é o temor da personagem. Criada em 1975 pelo cartunista Mauro Borja Lopes e com a voz da dubladora Maralisi Tartarine, a Zebrinha inevitavelmente agradou às crianças, mas algumas não suportavam ouvir a voz da equina. Talvez porque a Zebrinha significava também que o fim de semana estava acabando.

 

2

Bozo


Bozo foi sem dúvida um dos maiores sucessos das décadas de 1970 e 1980. Mas a Coulrofobia sempre existiu e com um ícone do mundo pop como Bozo não poderia ser diferente. Além disso, sempre existiram os boatos envolvendo os atores que interpretavam o palhaço que iam desde uso de drogas e alcool até os maus tratos com as crianças no palco do programa.

 

1

Cuca


Era pra ser apenas uma vilã de programa infantil, ou seja, assustadora sem deixar de ser carismática e de manter o tom suave para crianças. A Cuca porém tornou-se um dos maiores pesadelos da TV brasileira para alguns pequenos. Brilhantemente interpretada pelas atrizes Dorinha Durval, Stella Freitas e Catarina Abdalla, Cuca foi o motivo de muitas crianças comerem ou se comportarem porque era o objeto de chantagem dos pais. “Cuidado com a Cuca!”.



style=”display:inline-block;width:300px;height:250px”
data-ad-client=”ca-pub-7216971035978343″
data-ad-slot=”8029069552″>

WordPress Video Lightbox Plugin