Emissora: Rede Globo.
Ano de P
rodução: 1983 (18 episódios).
Cores.
Companhias Produtoras: Rede Globo.

 

 Letra do Tema de AberturaLista de EpisódiosVídeo da Abertura

 

 

 

O personagem Mário Fofoca (Luiz Gustavo), criado por Cassiano Gabus Mendes na novela Elas Por Elas (1982), ganhou seu o próprio seriado no dia 13 de março de 1983, onde ele continua sendo um detetive particular inteiramente inábil na sua profissão. Confuso, desajeitado, ingênuo, infantil e esquecido, ele tem vários tiques nervosos. Usando sempre um terno quadriculado e uma gravata colorida, ele vivia todo domingo uma diferente aventura que de uma forma ou de outra e contando com uma sorte incrível, acabava conseguindo solucionar o mistério. O investigador Mário Cury (esse é seu verdadeiro nome que ele tenta esconder) enfrentava além de perigosos malfeitores, alienígenas, vampiros, e os vilões mais estranhos da Tv. Ele tinha como parceiro Donato Freitas (Osmar Prado), e o maior incentivador do detetive era seu pai,  o aposentado Evilásio (Felipe Carrone). Sua mãe, Raquel (Ana Ariel), era uma senhora mal humorada que não se conformava com a profissão do filho e com as "enrascadas" que ele se metia.

No episodio de estréia, “Vista Chinesa” – o único escrito por Cassiano Gabus Mendes - , Mário Fofoca muda-se de São Paulo para o Rio de Janeiro com a família. No Rio de Janeiro, ele encontra um velho amigo, o corretor Donato Freitas (Osmar Prado), que possui um escritório ao lado do seu e passa a ser seu parceiro.

Algumas alterações foram feitas na transição da novela para o seriado. Por destinar-se especialmente ao público infanto-juvenil, dava-se ênfase as atrapalhadas do detetive. Para isso, a equipe de criação e o diretor optaram por manter nos episódios momentos espontâneos das gravações, como o instante em que Luiz Gustavo puxa a persiana do escritório de Mário Fofoca e ela desaba sobre sua cabeça. Apesar do riso de toda a equipe, a cena acabou sendo exibida.   

Embora o personagem tenha sido criado por Cassiano Gabus Mendes, Luiz Gustavo contribuiu muito para composição do tipo. O paletó xadrez, por exemplo, foi um achado do ator no guarda-roupa da Rede Globo. Para ele, o personagem deveria usar o mesmo traje o tempo todo – paletó xadrez roxo, calça marrom, camisa azul e gravatas espalhafatosas. Inicialmente os produtores da novela não aprovaram a idéia, mas Luiz Gustavo lembrou de grandes heróis – como Charles Chaplin, o Gordo e o Magro – para justificar o figurino.

Infelizmente Mário Fofoca não conseguiu alcançar o mesmo sucesso da telenovela e acabou durando apenas 18 episódios. Sua última aventura foi ao ar no dia 3 de julho de 1983.     

No rastro do sucesso da novela, foi lançado também o filme As Aventuras de Mário Fofoca (1983), com argumento de Cassiano Gabus Mendes, Carlos Lombardi e Adriano Stuart, também responsável pela direção. Além de Luiz Gustavo no papel-título, estavam no elenco Sandra Bréa, Julia Lemmertz e Maria Luisa Castelli, entre outros.

 

Elenco


 
   

Luiz Gustavo ..... Mário Cury (Mário Fofoca)

 Osmar Prado ..... Donato Freitas

Felipe Carone ..... Evilásio

Ana Ariel ..... Raquel

 

 

 

 

 

 

 

COMENTE:

 

O InfanTv coloca à sua disposição um espaço para comentar as matérias publicadas no site. Pedimos que participe de maneira educada, respeitando a opinião dos demais e tratando exclusivamente dos temas abordados na página. Leia o nosso Termo de Uso e Responsabilidade.

 
comments powered by Disqus